sexta-feira, 5 de outubro de 2007

MANTENHA A MOTIVAÇÃO EM ALTA


MANTENHA A MOTIVAÇÃO EM ALTA

Não desista.

Inúmeras vezes a tentação de desistir fica forte. Afinal, não custa nada tomar essa decisão, pois ela é tão fácil...Em qualquer história de sucesso há derrotas ao longo do caminho. Mas lembre: para vencer, é preciso persistir até o final.

Você tem poder
Repita isso para você muitas vezes. Escreva essa frase em várias tiras de papel e coloque-as em lugares onde seu olhar passar. Programe essa frase na tela do seu computador.

Inspire-se
Há histórias de pessoas que passam por mil e uma dificuldades, mas que não deixam de levar o objetivo adiante. A Pense Leve traz sempre o relato de alguém que venceu a batalha dos quilos a mais. Uma delas pode fazer com que você sinta que também pode alcançar seu peso ideal.

Use a imaginação

Especialistas afirmam que se você conseguir visualizar-se do jeito que quer ficar, acabará por conseguir chegar lá. Focalize essa imagem na mente. Ao sentir que ela começa a desvanecer, volte a se concentrar até que o exercício se torne cada vez mais fácil e automático. Uma foto, dos tempos em que o corpo estava na medida certa pode ajudar ainda mais a concentração.

Descubra novas medidas de sucesso

Quem sabe, experimentar uma peça de roupa que antes não entrava em você. Isso pode trazer uma imensa sensação de progresso e felicidade. Às vezes não é o número de quilos emagrecidos que faz tanta diferença, mas a descoberta de que o zíper da calça agora fecha sem qualquer esforço extra.

Aprenda a minimizar o que você não gosta
Acredite, mesmo pessoas muito bonitas detestam certas partes do seu corpo. Portanto, o que há de dramático se você não gosta das suas pernas? Se você não tem como modificar o jeito que elas são, paciência - é bobagem continuar infeliz por causa disso. Elas conduzem você para todo o lado, não é mesmo? Você pode andar e dançar com elas, não é verdade?

Agrade-se
Faça uma massagem. Vá ao cabeleireiro. Pinte as unhas com uma cor diferente da usual. Consulte um esteticista. Compre aquela camisa que custa uma nota. Coloque sais de banho na banheira e mergulhe na espuma macia e perfumada como se estivesse dentro da cena de um filme com final feliz. Essas coisas fazem a gente parecer e se sentir bem.

Não fale mal de você
Se você parar de dizer “Não tenho força de vontade”, “Nada do que faço dá certo”, e começar a colocar essas frases no afirmativo, em pouco tempo seus pensamentos irão influenciar suas ações de maneira agradável e positiva.

Não se compare
Em vez disso, afirme: “Sou melhor ou tão boa quanto qualquer um”. Se mantiver constante essa crença, em pouco tempo vai sentir orgulho de você mesma.

Olhe-se no espelho e diga “Estou bem”
Talvez você não acredite nisso agora, mas o tempo será seu colaborador. Pode ser até que , no momento, você evite olhar no espelho, ou tenha vergonha de experimentar roupas numa loja. Não desanime: mantenha a auto-estima em alta e a disposição de emagrecer constante, o espelho vai confirmar bem depressa que você está ótima.

SEJA REALISTA

Mantenha-se flexível

Muitas pessoas que continuam magras nunca alcançaram aquele peso que imaginaram atingir no início da dieta. Mas elas conseguiram o peso real em que podem se manter. E isso é o que importa.

Não se impressione com números
Uma pessoa com músculos bem desenvolvidos pode pesar mais e estar perfeitamente bem em termos de aparência, saúde e bem estar. Nesse caso, não importa o que a balança registra, mas sim o que o seu visual apresenta em termos de harmonia e proporcionalidade.

Não seja perfeccionista
Há pessoas que se não fizerem tudo absolutamente certo desistem no primeiro deslize que cometem. contudo se o objetivo é conseguir emagrecer e permanecer assim, não importa o número de vezes que vai ser preciso recomeçar. O principal é manter o ânimo até conseguir o objetivo final.

Recomece sempre
Não espere a próxima segunda-feira, nem mesmo o dia seguinte para voltar à dieta. Você pode até seguir este ritual de recomeço: quando comer demais, beba um longo e fresquinho copo de água, para sinalizar que a comilança terminou e que você está retornando ao seu programa alimentar. Com o passar do tempo, essas recaídas se tornarão cada vez mais raras.

Descubra cedo
Não permita que os quilos voltem a se acumular grama a grama, quilo a quilo, novamente no seu corpo. Quando sentir qualquer parte da sua roupa apertar, vigie a quantidade dos alimentos que você está comendo e incremente a sua atividade física. O controle vai ficar bem mais fácil.

Um comentário:

Thais Dias disse...

Adorei seu texo..bom fds..beijos